segunda-feira, 15 de outubro de 2012

O sentido da vida


Certa vez um rei acordou com um pensamento frustrante, durante toda noite ele sonhou com sua vida e suas vitórias. Era tão poderoso e rico que para ele nada mais fazia sentido, havia conquistado tudo que precisava. Então mandou chamar três dos mais sábios em todo o seu reino e lhes perguntou: “Qual o sentido da vida? Para que existimos?

O primeiro a se apresentar era um dos mais famosos capitães do numeroso exército real, ele se apresentou ao rei com pose confiante e orgulhoso de todas as suas vitórias e ainda satisfeito por ter sido chamado para responder uma questão tão simples a alguém tão importante como o rei. Assim que cumprimentou o rei, o capitão deu um sorriso largo e alto e o rei ainda impaciente mandou-o responder.

- Pois bem, meu majestoso rei. Você quer saber por que nascemos e existimos, esta é uma questão simples para mim que venci todas as batalhas nas quais o senhor me ordenou. Responderei de uma só vez, existimos para reinar! Cada pessoa existe para reinar sobre um mais fraco, seja o senhor sobre o seu reino, eu sobre o grande exército e o cozinheiro sobre o ajudante. Enfim, existimos por que reinamos sobre alguém!

- Pois bem, comandante, realmente eu reino sobre pessoas mais fracas do que eu, mas isto não responde a minha pergunta, saia da sala, preciso de uma resposta sobre o motivo de existir e a sua não me parece ser a exata.
O capitão saiu bufando por causa da resposta do rei e mandou que entrasse o outro convidado que entrando apresentou-se como um dos mais renomados filósofos de todo o reino.

- Bom dia admirado e querido rei, é uma honra poder responder a esta pergunta tão simples para mim, mas que ao senhor parece ser confusa, pois bem, o problema é o porquê do existir? Não percebe ó rei, existimos simplesmente, não há uma resposta para a pergunta, nascemos de uma grandiosa evolução e chegamos até aqui, a ponto de que nossos futuros filhos serão maiores do que nós. Veja o rei mesmo, como se tornou maior que seu próprio pai!

Ao ouvir isto o rei se endireitou no trono para ouvir melhor o que aquele filósofo estava propondo para ele, suas palavras faziam sentido, porém o deixava mais confuso ainda a respeito de sua própria existência.

- Suas palavras revelam um profundo conhecimento meu caro amigo, mas ainda assim não trazem resposta alguma à minha pergunta. Se existimos pelo acaso, como ele pode ter nos criado de forma tão magnífica? Por que os outros seres não foram criados da mesma forma? O acaso se esqueceu de dar voz ao leão ou aos porcos? Saia filósofo, ainda que seja sábio quero ouvir o próximo sábio.

O terceiro convidado entrou segurando uma belíssima espada, era o ferreiro pessoal do rei, aquele que criava todas as armas que o rei usara até o momento. Após se apresentar ele tirou a espada de sua bainha e fazendo movimentos leves para o rei observar a preciosidade que havia trago, começou a falar.

- Sabe querido rei, esta espada é realmente linda e poderosa. Poderia cortar duas pessoas com um simples movimento, e de fato ela os cortaria. Sua pergunta me inspirou a fazê-la ao senhor. Mas antes quero lhe fazer algumas perguntas. Se eu perguntasse a esta espada qual o sentido de sua existência, mesmo sendo uma espada, acha que ela responderia que fora criada para cortar pessoas? Se esta espada pudesse pensar, certamente acharia que seria feita para algo que gosta de fazer, o sentido de sua vida poderia ser servir apenas de enfeite! Concorda? O rei balançou com a cabeça.

- Gostaria de fazer mais uma pergunta ao querido rei, para que servem os pássaros? Para que foram criadas as plantas? Certamente o rei sabe que os pássaros têm um papel fundamental na formação de novas árvores, pois por onde passam deixam sementes novas, as plantas por outro lado tem a função especial de alimentar os pássaros, logo todas as coisas existem por um motivo especial! Não seria diferente com nosso rei! Concorda? O rei balançou a cabeça em silencio.

- Creio que assim como esta espada o sentido de existir só pode ser conhecido por aquele que cria e não pela criatura, logo como explicarei o sentido da vida sendo eu uma criatura que um ser superior criou? Não seria sensato criar um motivo para existir a não ser que eu mesmo me constituísse "o criador". Quando criei esta espada ela já existia em meus pensamentos, vi-a atravessando inimigos do rei e por isso digo com certeza que o fato de estar em minhas mãos não a torna mais real que antes de existir, logo todos somos assim, não existimos após o nascimento, existimos antes, quando estávamos nos pensamentos de um criador supremo e real! Como diz um antigo sábio: “Os teus olhos viram o meu embrião; todos os dias determinados para mim foram escritos no seu livro antes de qualquer deles existir.”

O rei se levantou num salto. – Quem disse tais verdades? Quem é este ser superior que tem o poder de ver-nos antes do nascer?

- Certamente, tais ensinos são superiores, mas ainda assim acessíveis ao próprio rei. Vou responder-lhe usando as palavras de outro sábio que dizia as seguintes palavras: “pois nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as coisas que podemos ver e as que não podemos; o mundo espiritual com seus tronos e reinos, seus governantes e suas autoridades: todas as coisas foram criadas por ele e para ele. Ele existia antes que tudo o mais começasse e é o seu poder que sustém todas as coisas.” 

Logo, querido rei, todas as coisas foram criadas para o seu próprio criador, para agirem de acordo com sua própria vontade. Assim espero ter respondido ao rei. O sentido da vida é Deus! Revelado em Cristo Jesus, o autor e o único que possuí a vida verdadeira! Aquele que certo dia afirmou que quem procurasse a vida fora de seu criador encontraria a morte e quem procurasse a vida em seu criador viveria para sempre. Deseja encontrar o sentido da vida querido rei? Busque naquele que o criou antes mesmo que você existisse no ventre de sua querida mãe. Assim como esta espada foi gerada nos meus pensamentos, todas as coisas foram criadas antes mesmo de existir para servir a um único ser, Deus!

- Estou pasmo com tantas informações ferreiro, como descobriu tais coisas? Preciso de mais informações sobre este criador, onde posso encontrar? O rei levantou-se e caminhou na direção do ferreiro abraçando-o satisfeito com suas respostas. O ferreiro abraçou-o e lhe presenteou com um exemplar da Bíblia Sagrada.

E para você, qual o sentido da vida? Tenho certeza de que o verdadeiro sentido está em Deus, pois ele nos libertou para sermos seus! Que Deus lhe abençoe!

Textos:
1 – Salmo 139.16;
2 – Colossenses 1.16,17;
3 – Mateus 16.25

Devair da Silva Eduardo

Ratings and Recommendations by outbrain