sábado, 13 de novembro de 2010

Senhor da Vida e da Morte


_ Um de meus milagres favoritos, dentre os realizados por Jesus, é a ressurreição de Lázaro dentre os mortos. Eu já estive em Israel, refazendo os passos do Salvador.
Quando Jesus recebeu o recado de que Lázaro estava enfermo, Ele se encontrava a apenas uma hora de caminhada da casa de Lázaro, em Betânia. Cristo ficou esperando que Lázaro morresse.

_ Por que faria isso? Afinal de contas, Jesus amava Lázaro. Será que queria que morresse? Não! Ele disse: "Esta enfermidade não é para a morte, mas para a glória de Deus, para que o Filho de Deus seja glorificado por ela (João 11.4)". Lázaro realmente morreu antes de Jesus chegar. E, ainda assim, esse não foi o fim da história.

"Ouvindo, pois, Marta que Jesus vinha, saiu-lhe ao encontro; Maria, porém, ficou assentada em casa.
Disse, pois, Marta a Jesus: Senhor, se tu estivesses aqui, meu irmão não teria morrido.
Mas também agora sei que tudo quanto pedires a Deus, Deus to concederá.
Disse-lhe Jesus: Teu irmão há de ressuscitar.
Disse-lhe Marta: Eu sei que há de ressuscitar na ressurreição do último dia.
Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá;
E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá. Crês tu isto? (João 11.20-26)"


_ Quando Jesus disse a Marta que Ele era a ressurreição e a vida, desejou garantir com exatidão: "Estou no controle dessa situação, porque controlo a própria vida e a morte ". É claro que, em seguida, Cristo foi até o túmulo e chamou Lázaro para que saísse. (Jo 11.41-44)
_ Ele, então, saiu vivo, caminhando. Se Jesus tivesse curado Lázaro durante sua terrível doença, teria sido um grande milagre. Entretanto, ressuscitá-lo dentre os mortos tinha uma missão maior ainda: Provar para o povo, para você e para mim, que Deus é o Senhor da vida e da morte.

Texto: Vivendo em meio a milagres - pag. 81 - Steve Hill - 2008 - © Direitos Reservados

Ratings and Recommendations by outbrain