sexta-feira, 18 de março de 2011

O que agrada ao Senhor?

Em verdade vos digo que esta viúva pobre depositou no gazofilácio mais do que o fizeram todos os ofertantes.(Marcos 12.43)

 O trecho citado em Marcos 12 mostra uma viúva pobre que oferta ao Senhor mesmo tendo pouco, oferta o melhor de si a Deus, dando o que lhe é pouco e precioso. Você já parou pra pensar no que agrada a Deus? O que chama atenção de Jesus em sua vida?

Já pensou que você pode sem perceber estar sendo como os ricos do texto? Dando o que lhe resta ao Senhor quando o que Ele merece é o melhor de nós?
Jesus nos mostra alguns segredos nesta passagem, segredos que vão despertar em você o desejo de ser notado por Jesus em meio a uma multidão de "ricos" cristãos. Vamos usar esta pobre viúva como exemplo de como ser visto pelo nosso salvador em meio a milhões de cristãos que dão somente o resto do que tem a Deus.

1 - Esta viúva nos ensina primeiramente a obedecer ao Senhor, não importa as circunstâncias, ela ao depositar sua oferta no templo estava colocando em primeiro lugar, fato que infelizmente não acontece com a maioria dos cristãos, muitos dão somente o que lhes resta, seja oferta em dinheiro, tempo, oração ou adoração.

2 - Esta viúva aprendeu a confiar e depender do Senhor, e isto está claro no texto quando Jesus diz: Porque todos eles ofertaram do que lhes sobrava; ela, porém, da sua pobreza deu tudo quanto possuía, todo o seu sustento. Isto é depender do Senhor até mesmo para se sustentar, outro fato que não vemos muito por aí, muitos cristão preferem ser ricos antes para poder ofertar ao Senhor com sobras, lembre-se somente quem tem sobrando pode ofertar sem nenhum sacrifício, já tal viúva fazia tal sacrifício a ponto de entregar todo o seu sustendo ao Senhor, isto pode ser aplicado não somente ao nosso dinheiro, mas principalmente ao nosso tempo e dedicação, quantos cristãos tem listas de coisas importantes a fazer e colocam as obras do Senhor bem no final dela! A prioridade dessa viúva era: Agradar a Deus.


3 - Tal viúva deu o seu melhor ao Senhor, não o que ela tinha de sobra, mas o seu melhor, hoje temos uma espécie de programação automática para crentes, funciona mais ou menos assim: de segunda a sábado somos quem somos, no domingo somos cristãos, isso de forma automática e sem nenhum sentimento, isto está representado no texto pelos ricos que iam entregar suas ofertas. Todos se comportavam como cristãos, faziam o que a lei pedia, porém para chamar a atenção do Senhor o cristão tem que fazer com amor e não como uma rotina semanal. Temos que ser cristãos em todos os lugares e em todas as situações, inclusive quando tudo o que temos é pouco aos nossos olhos.


Afinal o que esta viúva nos ensina é que Deus quer tudo o que vem do nosso coração, tudo feito com amor e não com restos. Vamos mudar a moeda do nosso texto e nos perguntar se o tempo que dedicamos ao Senhor é por amor ou simplesmente por que não temos o que fazer, o nosso resto de tempo.


Dedique-se ao Senhor como o único que pode lhe dar felicidade, nada que você possa fazer em vez disso lhe deixará mais feliz do que ser visto por Jesus!


Texto: D.S.E

Ratings and Recommendations by outbrain