terça-feira, 9 de outubro de 2012

Vença!


“Então disse Moisés a Josué: “Escolha alguns dos nossos homens e lute contra os amalequitas. Amanhã tomarei posição no alto da colina, com a vara de Deus em minhas mãos… ”enquanto Moisés mantinha as mãos erguidas, os israelitas venciam; quando, porém, as abaixava, os amalequitas venciam. Quando as mãos de Moisés já estavam cansadas, eles pegaram uma pedra e colocaram debaixo dele, para que nela se assentasse. Arão e Hur mantiveram erguidas as mãos de Moisés, um de cada lado, de modo que as mãos permaneceram firmes até o por do sol. E Josué derrotou o exército amalequita ao fio da espada” (Ex. 17.9,11-13)

Qual o tamanho da sua luta? Moisés certamente enfrentou problemas maiores, acredite. E em meio a tanto problema a palavra de Deus nos mostra uma cena que nos mostra uma guerra sendo vencida de forma milagrosa. Ao levantar as mãos, o exército dos israelitas vencia, assim que ele abaixava o exército começava a perder, mas, como uma guerra poderia ser vencida desta maneira?


Os caminhos de Deus são um verdadeiro mistério para nós humanos, mas certamente ele sempre ensina alguma coisa em tudo o que acontece ao nosso redor, então o que ele poderia estar mostrando naquele monte durante a terrível peleja entre os israelitas e amalequitas? Aquela vara havia sido usada para dividir um mar, tirar água de uma pedra e agora seria usada para vencer uma guerra. Muitos poderiam acreditar que o segredo estava na vara, porém assim que Moisés se cansou baixando suas mãos o exército começou a perder, então, onde estava o mistério da guerra contra os amalequitas?

Quando Moisés estendia as mãos ao céu estava clamando a Deus pela libertação do povo de Israel, se tivesse acreditado apenas na vara, certamente todo povo teria morrido naquela batalha, mas Moisés confiava no Senhor! Confie sempre no Senhor, ele é forte para te livrar!

Sempre que Moisés se cansava, suas mãos cediam e todo povo começava a perder a batalha, portanto não deixe que o cansaço tire sua vitória. Muitas vezes nos cansamos e por causa do cansaço cedemos à vitória. 
Aprenda com a mulher que sofria de hemorragia há doze anos (Mc 5.25), estava sofrendo há anos e mesmo assim enfrentou uma multidão para tocar o manto de Jesus, quando isso ocorreu foi curada imediatamente!


Outro fato que nos ensina é que Moisés aceitou a ajuda de Arão e Hur para continuar com o bastão erguido aos céus, uma das coisas que perseguem os perdedores é não aceitar ajuda quando precisam. Se prendem acreditando que irá de um jeito ou outro vencer, quando na verdade estão falidos e cegos. Nunca recuse ajuda de pessoas que amam você, Deus pode usá-los para entregar uma grande vitória em suas mãos!

Em ultima análise, poderia citar que Deus vence todas as batalhas, porém não iremos vencer todas. Deus muitas vezes nos ensina também na derrota, podemos aprender a confiar mais nas suas promessas ou nos livrar de todo orgulho que corrompe o homem e nos separa dele. Certamente, com Deus todas as derrotas são vitórias, basta procurar sempre sua santa e soberana vontade e seremos mais que vencedores!

Que Deus o mostre quais batalhas vencer e que você aprenda exatamente onde encontrar sua vontade para ser um verdadeiro Vencedor! Não se engane, nem sempre vencer é ganhar e perder é perder!

Se não é o Senhor que vigia a cidade, será inútil a sentinela montar guarda. Será inútil levantar cego e dormir tarde, trabalhando arduamente por alimento. O Senhor concede o sono àqueles a quem ele ama.” (Sl 127.1b-2)

Ratings and Recommendations by outbrain